Projecto «Mais um que morreu» ou a sensibilização pela arte

com Sem comentários

Susana Pereira, natural de Cacia, tem 27 anos e é Licenciada em Dança (2014) e Mestre em Ensino de Dança (2016) pela Escola Superior de Dança, do Instituto Politécnico de Lisboa. Sensível às problemáticas do mundo do trabalho e ao impacto que essas têm na vida de muitos jovens, decidiu … Ler Mais

Lesões músculo-esqueléticas são a doença profissional do século?

com Sem comentários

Existem estudos revelando que as lesões músculo-esqueléticas estão a aumentar em toda a Europa. Recentes inquéritos europeus estimam que  60% dos trabalhadores apresentam queixas de dores nas costas, nos membros superiores ou inferiores relacionados com o trabalho.A Agênca Europeia para Segurança e Saúde no Trabalho arrancou recentemente com uma campanha … Ler Mais

Empregadas domésticas:o longo caminho do trabalho digno

com Sem comentários

  A maioria são mulheres e imigrantes que  trabalham pelo salário mínimo ou, em alguns casos,até  menos.Umas são internas e outras externas,ou seja as primeiras trabalham e dormem em casa do patrão e as segundas não dormem em casa do patrão e podem trabalhar a tempo inteiro ou a tempo … Ler Mais

Mudanças Climáticas-sindicatos são actores e parte da solução

com Sem comentários

Os sindicatos são parte da solução e do movimento social que reclama ação concreta dos governos para se enfrentar com sucesso as mudanças climáticas. Sindicatos de vários países, nomeadamente do Chile,Espanha,Filipinas e Nigéria constituem a delegação sindical presente na COP25- A 25ª Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas … Ler Mais

Despedimentos colectivos diminuiram nos últimos anos

com Sem comentários

  Na última crise financeira e social, com as imposições da Troika e respectivas consequências económicas, concretamente em 2012, os despedimentos colectivos em Portugal atingiram o número de 1.269 casos comunicados ao Departamento do Ministério do Emprego, abrangendo um total de 82.555 trabalhadores.Foi o pior ano dos últimos tempos e … Ler Mais

Associação apela à solidariedade do povo português com o Chile

com Sem comentários

«Neste momento, a situação política no Chile é crítica»-diz a Associação de chilenos em Portugal que acrescenta:« As forças militares e policiais reprimem violentamente as manifestações da população, que exige mudanças estruturais para uma melhor qualidade de vida».A nosso pedido aquela Associação enviou-nos um texto sobre a grave situação política … Ler Mais

Forças de segurança desafiam governo

com Sem comentários

Brandão Guedes De vez em quando os sindicatos da PSP e da GNR fazem ouvir a sua voz na rua.Ontem,dia 21 de novembro, mais uma vez aconteceu em Lisboa,junto à Assembleia da República uma grande manifestação de agentes policiais e militares da GNR.Nota-se nestas forças há muitos anos um mal … Ler Mais

O despertar do Chile

com Sem comentários

Francisco Rivas Gómez* Com o fim da ditadura de Pinochet e com a chegada tão esperada da democracia, nós, chilenos, esperávamos que se iniciassem mudanças profundas para acabar com o abismo entre ricos e pobres e que se consolidasse uma democracia estável e participativa para que o Chile fosse um … Ler Mais

Pedreiras em situação crítica-como está a situação?

com Sem comentários

  Após um ano  do trágico acidente numa pedreira em Borba, a 19 de novembro de 2018, onde morreram cinco pessoas o processo de justiça está a chegar ao fim e já foram dadas indemnizações aos familiares das vítimas.Parece que existem responsáveis coletivos e individuais desta triste situação que serão … Ler Mais

Os «Livros que tomam partido» ou o papel das editoras na oposição à ditadura e na Revolução

com Sem comentários

«Livros que tomam partido-edição e revolução em Portugal: 1968-1980» do historiador brasileiro FLAMARIÓN MAUÉS  já circula nas livrarias portuguesas e foi apresentado no passado dia 7 deste mês no Palácio das Galveias, Lisboa, com a presença do autor, dos responsáveis da Editora Persifal, da historiadora Maria Inácia Razola, para além … Ler Mais

1 2 3 4 5 7

Junta-te à BASE-FUT!